sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Corno de Ribeirão Preto #confissão 11

"Me chamo Junior, moro em Ribeirão Preto, tenho 40 anos, 1.76 mt, 82kgs, separado há 7 meses e um casal de filhos que residem com a mae. Sou carinhoso,  atencioso e presente. 

Mesmo sem saber do que se tratava e que só vim a descobrir quando mais velho, tenho o desejo de ser corno. Levei o primeiro chifre aos 18 anos e invés de ficar chateado, fiquei com um tesão enorme e até tentei reatar.

Mais velho, tive uma relacionamento com uma garota de outra cidade e até cheguei a insinuar algumas situações mas acabamos terminando.

Fui casado por 7 anos e com 3 meses de namoro, contei a minha ex sobre minhas fantasias, foram dois anos de conversas, convencimentos e paciência. Acabou acontecendo uma vez e ela confessou que adorou mas, por motivos dela acabou nao acontecendo mais.

Procuro uma mulher bonita, atraente e  que saiba ser provocante na hora certa, quero um relacionamento real, que nossas fantasias sejam discretas e que minha cornitude não seja a base do relacionamento.

Quero ser corno, quero ser submisso a ela mas, também quero momentos de intimidade de casal, ser cúmplice, companheiro e ser seu defensor. Se a convivência for boa para os dois penso sim em relacionamento estável.

Sou hetero mas, durante o prazer da minha amada com outro, posso realizar alguns desejos dela, como por exemplo, pegar no pau do macho e guiar até onde ele deseja. Gosto de ser humilhado e fico louco de tesão quando vejo ela desejar e se insinuar para outro macho e  adoro quando os dois me xingam de corno. Sou apaixonado por mulher vagabunda e que estando com seu macho, ela seja bem puta. 

Desejo que o macho seja fora do convívio de amizade, se ela desejar procuro comedores a sua altura e sinto mais tesão ainda quando ela toma atitude de procurar um macho, seja em site ou uma paquera em algum local. 

Se alguém quiser conversar ou tiver proposta: cornoribpreto@hotmail.com"




Nenhum comentário:

Postar um comentário